9 de julho de 2012

Primeiro Capítulo de The Casino - Michael vai para os Estados Unidos:



PRIMEIRO CAPÍTULO.

CENA 1 – BRASIL 2006. ESPÍRITO SANTO. VITÓRIA. CASA DE MICHAEL. Int. Noite.

Geraldo e Marta tentam impedir o filho, Michael, de sair de casa sem sucesso.

GERALDO – (TENSO) Meu filho, Estados Unidos não é brincadeira. Se te pegam lá te matam! Já pensou a vida do seu pai e da sua mãe depois de saber da sua morte?

MICHAEL – Pai, não vai acontecer nada comigo. To indo com pessoas que conhecem bem a fronteira... Vivem transitando, não precisa se preocupar!

MARTA – (INCONFORMADA) E tua esposa e teus filhos? Como eles vão ficar?

MICHAEL – É por eles que eu to indo mãe! Pra dar pra eles uma vida mais digna... Depois que eu conseguir uma quantia boa pra ajudar vocês eu volto... Prometo!

MARTA – (SEGURA A MÃE DO FILHO) Isso não vai dar certo.

MICHAEL – Vai sim mãe... É só ter fé! (PUXANDO AS MALAS) Agora deixa eu ir... Tenho uma longa viagem pela frente.

Michael dá um beijo na testa da mãe e do seu pai. Lágrimas escapam de seus olhos e ele esboça um sorriso. Um cara ajuda ele carregar as malas até uma vã e eles partem dali.

CORTA PARA:

CENA 2 – ESTADOS UNIDOS 2012. CASINO. SALA DE MICHAEL. Int. Noite.

Michael está analisando um jogo de Poker por uma câmera presa no palitó de seu amigo, Diego, que está se passando por um jogador. Por um ponto ele passa todas as informações de que ele precisa para ganhar.

MICHAEL – Agora joga a carta que tá presa em sua manga. Xeque mate!

Na mesa, Diego joga a carta e leva o dinheiro em jogo. Logo após, ele vai ao encontro de Michael.

MICHAEL – (DANDO UMA TAÇA DE WHISKY PARA O AMIGO) Parabéns! Conseguiu uma grana preta nessa rodada!

DIEGO – (GARGALHANDO) Achei que você tava sem estratégia no começo, mas o xeque mate do final me surpreendeu!

MICHAEL – Eu nunca falho meu amigo... (REPETINDO COM CONVICÇÃO) Nunca falho!

Os dois brindam comemorando o sucesso.

CORTA PARA:

CENA 3 – BRASIL. ESPÍRITO SANTO. VITÓRIA. CASA DE JULIANA. Int. Noite.

A esposa de Michael continua levando a vida simples no Brasil. Cuida dos filhos, da casa e trabalha como doméstica. Ela se recusou a aceitar os dinheiros ilegais de seu marido.

PIETRO – Mãe... O papai não vai mais voltar né?

JULIANA – (TENSA) Seu pai tá trabalhando meu amor... Ele vai voltar um dia... Ele prometeu pra mim!

PIETRO – Mãe, ele é mentiroso... Ele foi embora pra não ter que cuidar da gente... Ele é ladrão!

JULIANA – (GRITANDO) Que isso garoto, quem é que tá te falando essas coisas?

PIETRO – A vovó... Ela disse que ele foi embora pra não voltar mais... Que ele foi ser bandido.

JULIANA – (NERVOSA) A sua vó é louca meu filho, louca de pedra! Escuta, eu vou te deixar com a tia Madalena por que eu preciso dar uma saída. Vou ter uma conversa com sua vó. (DÁ UM BEIJO NO ROSTO DO FILHO) Se comporta!

Juliana vai até o quarto de sua irmã e pede para a mesma cuidar de seu filho. Logo após, ela sai.

CORTA PARA:

CENA 4 – ESTADOS UNIDOS. CABARÉ. Int. Noite.

Homens aplaudem de pé as mulheres que sensualizam enquanto dançam. Felícia é uma das dançarinas. Ela dança e exibe seus atributos para um senhor que joga notas perto de seus pés. Ela pega as notas e guarda-as em seu sutiã. O show termina. Felícia vai para o camarim, retira sua maquiagem pesada e conta a grana que conseguiu.

FELÍCIA – (RESPIRA FUNDO) É... Hoje o dia não tá dos melhores, mas dá pra por comida em casa! (RESPIRA MAIS UMA VEZ) Fim de expediente.

Ela coloca os dólares no fundo falso da bolsa e sai do Cabaré. O velho que jogou dinheiro no palco a para no meio da calçada.

VELHO – Onde é que a senhora pensa que tá indo?

FELÍCIA – (PACIENTE) Meu senhor, eu to indo pra minha casa. Meu trabalho terminou. Se quiser mais dança, volte amanhã.

VELHO – (ALTERADO) E o meu programa? Eu paguei você sua cachorra safada!

FELÍCIA – (INDIGNADA) Ah, você tá achando que eu sou prostituta?! Pois fique sabendo que eu não sou não! Sou dançarina honesta, sou dona de casa e tenho que conseguir dinheiro pra por comida na mesa!

VELHO – (APONTANDO UM CANIVETE) Então eu quero que você devolva o meu dinheiro ou eu rasgo essa carinha bonita agora!

Felícia fica acuada.

CORTA.

CONTINUA... NÃO PERCAM O PRÓXIMO CAPÍTULO.



5 comentários:

Gabriel Rezende disse...

Parabéns Lucas, mas uma vez você surpreendeu! Você é muito talentoso, adorei o primeiro capítulo, com certeza vou acompanhar até no final!

Gilberto Nascimento disse...

Gente que texto gostoso de ler! Fico muito contente por entrar aqui no TVED onde trabalho e encontrar um projeto tão bem feito assim. Perfeito Lucas, mais uma vez está de parabéns.
Abraços e continue bombando!

Tv Live Space disse...

Que bom que gostaram do primeiro capítulo, fico feliz. Espero continuar agradando!

DESDE JÁ, AGRADEÇO!

Eduardo disse...

Lucas, parabéns pela excelente estreia! O capítulo foi ágil, dinâmico, surpreendente... Você conseguiu me levar para o universo da trama, além disso, não encontrei erros de português, o que é raro. Eu não conhecia o seu trabalho, mas a partir de agora vou acompanhar!

Tv Live Space disse...

Fico muito agradecido com o seu comentário.


DESDE JÁ, AGRADEÇO.